Notícias 18 fev, 20

  Em reportagem publicada no jornal O Correio do Povo, o presidente da ACIJS e do Centro Empresarial de Jaraguá […]

Redução de recursos para duplicação da BR-280 é lamentável, diz presidente da ACIJS

Trecho da BR-280 em obras entre Guaramirim e Jaraguá do Sul
Foto de Fábio Junckes/OCP

 

Em reportagem publicada no jornal O Correio do Povo, o presidente da ACIJS e do Centro Empresarial de Jaraguá do Sul, Anselmo Luiz Jorge Ramos, lamentou que as obras de duplicação da BR-280 sofram nova redução de recursos.

“Se os recursos não forem liberados no volume necessário, será sem dúvida lamentável ver que um projeto como o da duplicação ficará protelado por mais um ano. A região Norte do Estado já provou sua importância para a economia não somente de Santa Catarina, mas de todo o Brasil, é um polo que promove a geração de riquezas, seja com impostos ou de postos de trabalho, e mais uma vez estamos sujeitos a um ritmo de obras que não é condizente ao que representamos para o desenvolvimento econômico e social”, disse o empresário ao comentar informações divulgadas pela imprensa.

Conforme a reportagem do OCP, as expectativas quanto à aceleração dos trabalhos na rodovia são frustrantes. Diz a reportagem que por mais um ano, as expectativas de avanço nas obras de duplicação da BR-280 não são otimistas. Dos R$ 370 milhões solicitados pelo Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes) ao governo federal, apenas R$ 73 milhões serão encaminhados para os serviços nos três lotes em 2020. A duplicação iniciou em 2014.

No ano passado, a verba para a rodovia foi de R$ 89,1 milhões. Para o lote 1.1, entre São Francisco do Sul e a interseção da BR-101, o orçamento previsto era de R$ 20 milhões para desapropriações e R$ 100 milhões para as obras. No entanto, somente R$ 20 milhões serão destinados ao trecho neste ano.

Da BR-101 ao acesso de Guaramirim e Jaraguá do Sul (lote 2.1), onde estão previstos dois viadutos, duas pontes, duas passarelas e travessia de oleoduto, serão aplicados R$ 13 milhões, dos R$ 45 milhões que foram planejados.

O lote 2.2, que compreende o contorno rodoviário de Guaramirim e Jaraguá, será o que mais receberá verba nos próximos meses: cerca de R$ 40 milhões. O pedido do Dnit era de R$ 205 milhões. Quando for finalizado, o trecho contará com 18 obras de arte especiais, sendo 16 viadutos e duas pontes.

Com esses recursos, o Dnit pretende concluir a pavimentação do quilômetro 49 ao 50,74 no lote 2.1 e entre o km 50,74 ao 54 no 2.2, onde há a interseção com a SC-108. No trecho de São Francisco do Sul, a expectativa é executar o viaduto do Instituto Federal de Santa Catarina com as vias marginais.

Entidades de classe mobilizadas em prol da 280

O presidente da Acijs (Associação Empresarial de Jaraguá do Sul) e do Cejas (Centro Empresarial), Anselmo Luiz Jorge Ramos, disse que a sociedade só tem a lamentar com os atrasos na execução de uma obra tão importante para a região, como é o caso da BR-280.

O empresário lembra que uma boa parte da produção de Santa Catarina passa pela rodovia, que liga o planalto ao litoral e faz interseções com a BR-101, um corredor natural do Mercosul, e com outros centros de consumo por meio de portos, aeroportos e ferrovia.

Conforme o presidente, as entidades de classe já se mobilizam para levar as reivindicações aos movimentos organizados no Estado e junto aos representantes federais, buscando reverter a decisão de contingenciar os recursos e com isto fazer com que a duplicação figure como prioridade de governo.

A ideia, explica o presidente da Associação Empresarial, é realizar um encontro com lideranças dos municípios envolvidos e com a bancada parlamentar de Santa Catarina e com isto sensibilizar Brasília para a importância de que esta obra seja finalizada aguardada há tanto tempo.

Trabalhos que estavam planejados para este ano

>>> Lote 1: concluir a pavimentação do km 3,8 ao km 12 (contorno de São Francisco do Sul) e pavimentação do km 26 ao km 28 (travessia urbana de Araquari, incluindo viaduto do IFC);

>>> Lote 2.1: concluir pavimentação do km 43,9 ao km 50,74 e fazer parcialmente a pavimentação do km 40,5 ao km 42,9;

>>> Lote 2.2: concluir pavimentação do km 50,74 (início do contorno) ao km 62,4 (interseção com a rua Manoel Fco. Da Costa) e concluir também as escavações dos tuneis Morro Vieira.

Em que fase estão os trabalhos de duplicação?

>>> Lote 1: em execução a terraplenagem e a drenagem entre o km 3 e o km 9;

>>> Lote 2.1: em execução a base do pavimento do km 45,4 ao km 50,74, mais a passarela para pedestres no km 50, e também a terraplenagem na interseção de Poço Grande;

>>> Lote 2.2: em execução a terraplenagem do km 50,74 ao km 63,5, a ponte sobre o rio Itapocuzinho, o viaduto sobre a rua Caixa D’água, o viaduto do início do contorno e o viaduto da interseção com a rua Manoel Francisco da Costa. Em andamento também o revestimento em concreto nos túneis do Morro Vieira. [Com informações do jornal O Correio do Povo em 18/02/2020]



Confira as

Últimas notícias

Municípios e entidades regionais oficializam nesta sexta (3) Pacto da Inovação

Ato vai ocorrer no Novale Hub com a presença de lideranças da região

ACIJS convida Prefeitura e Câmara de Vereadores para balanço do ano e projeções para 2022

Evento aberto à comunidade, que poderá acompanhar presencialmente, no CEJAS, ou ao vivo pelo canal da ACIJS no YouTube

Falta de insumos afeta sete em cada 10 indústrias no Brasil, mostra estudo da CNI

Setor produtivo avalia que o desabastecimento de matérias primas só terá fim a partir de abril de 2022

Jaraguá do Sul e região buscam ampliar relações de negócios com a Itália

Encontro realizado no Novale Hub teve como objetivo aproximar comércio, indústria e organizações com interesse em negócios entre Brasil e Itália

Workshop apresenta oportunidades para empresas buscarem o mercado externo

Ampliar a presença de empresas locais no mercado externo é uma das diretrizes da ACIJS

Hospital São José presta contas à comunidade e homenageia parceiros

ACIJS foi uma das entidades homenageadas pela cooperação com o Hospital São José ao longo dos anos

Jaraguá do Sul entre as 10 cidades mais competitivas do Brasil, aponta estudo do CLP

O Ranking Nacional destaca que Jaraguá avançou 18 posições em relação ao levantamento anterior

Entidades debatem, em Corupá, turismo regional com foco na sustentabilidade

Programação contará com reunião das Associações Empresariais e Secretarias de Turismo dos municípios participantes

Núcleo de Panificação e Confeitaria da ACIJS celebra 85 anos do Hospital São José

Presente dos nucleados simbolizou o agradecimento da comunidade à história de bons serviços do Hospital São José

Câmara Italiana de Comércio e Indústria realiza evento em Jaraguá do Sul

Objetivo do encontro é aproximar empresas e organizações com interesse em negócios internacionais entre Brasil e Itália

You must login to view your message.
Redefinir senha Cadastrar