Notícias 07 ago, 19

  O anúncio da Medida Provisória 892 na terça-feira (6), que define novos critérios para a veiculação de informações como […]

MP 892, que simplifica a divulgação de resultados das empresas, ajuda ambiente de negócios, avalia ACIJS

Disfunções burocráticas prejudicam a melhor competitividade das empresas, entende o presidente da ACIJS Anselmo Ramos

 

O anúncio da Medida Provisória 892 na terça-feira (6), que define novos critérios para a veiculação de informações como balanços de empresas por meio da chamada ‘publicação legal’, é mais uma iniciativa que ajuda na simplificação e reduz custos para as companhias brasileiras de capital aberto.

Com a MP divulgada pelo governo federal, as empresas ficam desobrigadas de publicarem balanços em jornais impressos e possam divulgar os seus resultados a custo zero em sites da CVM – Comissão de Valores Mobiliários ou no Diário Oficial da União. As empresas também poderão fazer a publicação em seus próprios sites e em jornais locais onde suas sedes estão localizadas, evitando o custo com anúncios pagos em veículos de grande circulação.

Segundo o governo, a intenção é simplificar processos referentes às publicações societárias em órgãos oficiais e em jornais de grande circulação, uma alteração que reduz custos para as empresas porque desobriga a publicação atualmente exigida e atende à inovação propiciada pelo avanço tecnológico. De acordo com estimativas do mercado, cerca de R$ 600 milhões são investidos por ano para o cumprimento de uma exigência que vinha vigorando até 2019, recursos que poderiam ser aplicados pelas companhias em outras frentes.

Na avaliação do presidente da ACIJS e do Centro Empresarial de Jaraguá do Sul, Anselmo Luiz Jorge Ramos, a divulgação da MP representa mais um avanço no sentido de reduzir custos que afetam a produtividade das empresas. O empresário lembra que a flexibilização de medidas que impactam na atividade econômica é um desafio que tem sido enfrentado pelo setor produtivo, através de debates que busquem alternativas para redução de custos causados por legislações que dificultam o dia a dia das empresas.

“O que vemos hoje são disfunções burocráticas que causam lentidão nos processos, alguns de soluções que poderiam ser simplificadas como a abertura e o fechamento de empresas, em licenciamentos, enfim, situações que refletem perda de competitividade, a redução da produtividade e afetam a geração de riquezas. Há procedimentos que, se em um determinado período eram necessários, hoje são dispensáveis. Então parece coerente uma revisitação que todos os setores possam fazer, seja no poder público ou da iniciativa privada, buscando alternativas para que todos os processos que interferem no dia a dia das empresas e dos cidadãos sejam revistos”, comenta.

Anselmo Ramos cita a criação de um grupo de trabalho em abril deste ano, por iniciativa da ACIJS e com a participação de diversas entidades, da Prefeitura e Câmara de Vereadores, que vem se reunindo para discutir e propor alternativas para reduzir a burocracia, por meio de reavaliações de legislações e sugerindo a simplificação de processos que envolvem o empreendedorismo na região.

“O objetivo deste trabalho é atuar proativamente, visando assegurar controles mais eficientes e menos burocráticos que modernizem os atos públicos e estimulem o desenvolvimento econômico. Ficamos satisfeitos quando diversas ações no mesmo caminho já estejam sendo anunciadas pelo governo federal com o propósito de dinamizar processos que beneficiam a sociedade de maneira geral”, completa.



Confira as

Últimas notícias

ACIJS reverencia 60 anos da WEG

Presidente Luis Leigue destacou importância do legado deixado por Werner Voigt, Eggon João da Silva e Geraldo Werninghaus

Evento online quer potencializar recursos de incentivos fiscais a projetos sociais em Santa Catarina

Objetivo do evento é disseminar importância de destinação de recursos com base em leis de incentivo a projetos que beneficiem as comunidades

Samae apresenta Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos à ACIJS

Entidade apoiará encaminhamento de formulário a empresas associadas, com o objetivo de definir gerenciamento de resíduos

Viver Jaraguá reúne especialistas para debate sobre potenciais turísticos

Iniciativa busca dar mais visibilidade ao turismo regional e fomentar o desenvolvimento econômico

Atualização de Instrução Normativa a Brigadas de Incêndio é tema de encontro no Centro Empresarial

Palestra "As mudanças na IN28 - Brigada de Incêndio: Atualização, vistoria e prazo para adequações" é uma iniciativa do Núcleo de Segurança e Saúde no Trabalho da ACIJS

Painel debate oportunidades e desafios com projetos de Parcerias Público-Privadas

Encontro apresentou oportunidades e desafios a serem superados para a viabilidade de mais investimentos em PPPs, com segurança jurídica

ACIJS cria Grupo de Trabalho para monitoramento de bloqueios em rodovias

Entidade fez encaminhamentos à autoridades para que circulação de veículos em rodovias seja assegurada

Jaraguá tem crescimento da população acima da média estadual, aponta IBGE

Levantamento indica que município segue como a oitava maior cidade de Santa Catarina

Entidades entregam sugestões para revisão do Código de Obras de Jaraguá

Documento enfatiza importância de legislação ter clareza e ser estímulo ao crescimento econômico e desenvolvimento social

Jaraguá do Sul entra na era da mobilidade elétrica com circulação do eBus

Parceria entre WEG, FIESC, Prefeitura e Canarinho viabilizou chegada do ônibus elétrico ao município

You must login to view your message.
Redefinir senha Cadastrar