Notícias 30 maio, 18

O presidente da ACIJS e do Centro Empresarial de Jaraguá do Sul, Anselmo Ramos, falou na manhã desta quarta-feira (30) […]

Movimento foi legítimo, agora precisamos retomar o ciclo da economia, afirma presidente da ACIJS

O presidente da ACIJS e do Centro Empresarial de Jaraguá do Sul, Anselmo Ramos, falou na manhã desta quarta-feira (30) sobre o movimento dos caminhoneiros em todo o País e os reflexos da situação junto à sociedade brasileira.

O empresário disse que após as repercussões alcançadas pela manifestação fica claro o sentimento nacional de descontentamento com o momento atual, com a política econômica e, notadamente, com o resultado da elevada carga tributária, que atinge todos os segmentos sociais e impacta no dia a dia das pessoas e das empresas.     

“Não há nenhuma dúvida quanto à legitimidade do movimento, pois o quadro de insatisfação é geral e os efeitos do descompasso entre o que se arrecada e como de maneira geral o que retorna à população deste volume de recursos não agrada a ninguém. A manifestação dos caminhoneiros traduz um sentimento nacional, de contrariedade diante da inércia do governo, a favor do rigor nas apurações a tantos casos de corrupção e de desvios de dinheiro que poderia estar sendo aplicado na saúde, na educação e infraestrutura. E, também, a cobrança por mais investimentos que levem o Brasil à retomada da economia”, lembra Anselmo.

Por outro lado, ele entende que a mensagem foi colocada de maneira firme e pontual, mas que agora chegou a hora do País voltar à plena normalidade para que não haja maiores prejuízos a todos.

“O governo fez suas propostas, as lideranças do setor avaliaram e concordaram que elas podem levar a ajustes. É necessário agora evitar a ação de oportunistas que se infiltram em um movimento legítimo unicamente para desvirtuar o que se pretendia, que foi chamar a atenção da sociedade e pressionar o governo, mas isto não pode comprometer ainda mais a economia. Os efeitos ainda serão sentidos pelos próximos meses, mas temos de retomar o ciclo econômico”, completa Anselmo.


Categorias

ACIJS

Confira as

Últimas notícias

Nota de pesar - Yara Fischer Springmann

A ACIJS, representada por sua Diretoria. Conselho Superior e Empresas Associadas, expressa o sentimento de pesar da classe empresarial de Jaraguá do Sul diante do

Ação Social do Núcleo de Voluntariado leva alegria a crianças no Natal

Iniciativa beneficiou crianças assistidas pelo programa Novos Caminhos e também menores da comunidade haitiana do Bairro Vieiras

NOTA OFICIAL – A favor da moralidade, contra o aumento de gastos públicos

Entidade se alinha a manifestações de setores representativos do meio empresarial e da sociedade civil diante de medidas que comprometem a gestão de recursos públicos

ACIJS vê legitimidade em manifestações por mais recursos a rodovias

Entidades representativas do setor produtivo têm atuado no sentido de assegurar continuidade de obras de infraestrutura

NOTA OFICIAL - Fundo Eleitoral 2022

Com a decisão de senadores e deputados federais, Fundo Eleitoral pode utilizar até R$ 5,7 bilhões de recursos públicos, em 2022

Jaraguá do Sul é a primeira cidade de SC a integrar rede nacional de 5G

Projeto vai permitir a aplicação de tecnologia inédita, com a instalação de redes de 5G por meio da integração de antenas às luminárias inteligentes

“Desafio é recuperar posição de destaque de Jaraguá na economia do estado”, diz prefeito Antídio, na ACIJS

Encontro Empresarial marcou encerramento da agenda de plenárias da entidade em 2021

ACIJS inicia campanha de incentivo à segunda dose de vacina contra a Covid-19

Ação busca envolver a comunidade no esforço para que o ciclo de imunização contra a Covid-19 seja completo

Alta de juros era aguardada, mas decisão pode afetar recuperação econômica, avaliam entidades

Sétimo aumento seguido dos juros pode inibir capacidade de reação de empresas no pós-pandemia, temem especialistas

Câmara Federal aprova projeto que municipaliza regras de proteção de rios em áreas urbanas

Projeto de Lei que regulamenta ocupação de áreas próximas a rios nos municípios agora aguarda sanção presidencial

You must login to view your message.
Redefinir senha Cadastrar