Notícias 25 jan, 18

  O presidente da ACIJS, Giuliano Donini, avalia que a rejeição ao recurso da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula […]

ACIJS avalia decisão do TRF4 como momento histórico para que o Brasil inicie um novo ciclo

 

O presidente da ACIJS, Giuliano Donini, avalia que a rejeição ao recurso da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em segunda instância, nesta quarta-feira (24), representa um momento histórico para o Brasil e especialmente para a política brasileira. O empresário entende que o resultado do julgamento realizado em Porto Alegre traz simbolismos que não podem ser ignorados, como início de um novo ciclo de mudanças extremas que o País necessita para avançar em desenvolvimento econômico e social.

“Agora, é o momento de virar esta página e entender que o livre desenvolvimento do mercado, que a capacidade de a sociedade ser livre, de poder empreender e desenvolver com igualdade, gerando emprego e renda, no qual o crescimento econômico não pode ficar a mercê de interesses corporativistas que sugam o Estado. O Brasil precisa sair de um círculo vicioso que já vem de algum tempo e nos anos recentes se tornou crucial para que o País não avançasse de maneira célere como nação desenvolvida, tirando o proveito de todo o seu potencial em riquezas, em inovação e na capacidade do seu povo”, diz Donini.

Ao lado dos efeitos que a decisão do Tribunal Regional Federação da 4a Região pode trazer no âmbito da economia, com o aumento da confiança em termos de investimentos, há segundo ele expectativas claras da classe empresarial quanto à mudança de comportamento da classe política e do setor público. “Já se fazia urgente há muito tempo interromper um sistema político viciado que estabeleceu uma relação promíscua de troca de favores, com mecanismos que envolviam estatais e setores da própria iniciativa privada, com distintas formas de corrupção que atrasam o Brasil e prejudicam a sociedade como um todo”.

Giuliano Donini argumenta, neste sentido, a confiança de que o processo julgado esta semana se torne emblemático, “para que se tenha uma limpeza efetiva no círculo da política brasileira”. Entende que o julgamento de uma figura como a de um ex-Presidente da República, na extensão do que ocorreu, é um primeiro passo, talvez não o maior deles, mas em condições de gerar otimismo capaz de fazer o Brasil voltar a ambicionar uma depuração exemplar do ambiente público, da transparência de quem opera o dinheiro público e que ponha fim às distintas formas de corrupção que se tornaram mais intensas nos últimos anos.

Em relação aos efeitos políticos da decisão que confirmou a condenação de Lula, o presidente da ACIJS pondera que seria ingênuo considerar que ele esteja ausente do processo eleitoral, pela liderança que representa no ambiente político. “Evidentemente pode-se esperar um enfraquecimento de movimentos que até então o seguem, mas mesmo com a manutenção da condenação e da extensão da pena de uma maneira ou outra o ex-presidente influencia sem dúvida a campanha, participando diretamente ou nas articulações, o que é natural na democracia”, afirma ao enaltecer que o julgamento num ambiente tranquilo demonstra a importância do País contar com instituições fortes, atuando de maneira independente e livre, respeitando o estado de direito.

O empresário assinala também que o fato de um representante partidário de uma determinada sigla ser julgado e condenado não isenta outras siglas envolvidas em casos de corrupção ou ligadas a mecanismos que corromperam a administração pública, daí a importância de continuidade do processo com a operação Lava-jato e com outras formas de combate a desvios. “É preciso que os setores que atuam nesta área transmitam à sociedade a percepção de que o trabalho de limpeza continuará e que o julgamento de processos que estão tramitando tenham a mesma celeridade, e isto passa também por uma revisão aos privilégios e de blindagens que beneficiam muitos dos agentes públicos e prejudicam o trabalho da justiça”.



Confira as

Últimas notícias

Viver Jaraguá quer mostrar oportunidades ao desenvolvimento do turismo regional

Além de mostrar projetos para estimular o setor, evento apresentará linhas de crédito voltadas ao turismo

Economia reage, mas qualificação de mão de obra ainda é desafio

Reaquecimento da economia no pós-pandemia vai exigir mais atenção com a qualificação profissional, avaliam entidades

Núcleo das Cervejarias comemora desempenho de marcas de Jaraguá em evento mundial

Líder do Núcleo das Cervejarias destaca importância da premiação como reconhecimento da qualidade do que é feito na cidade

Transformações globais em pauta na ExpoGestão 2021

Associados da ACIJS têm acesso a um dos principais eventos corporativos do Brasil, de 19 a 21 de outubro

ACIJS se reúne com Badesc por mais acessibilidade a linhas de crédito

Presidente Luis Leigue enfatizou importância de maior facilidade no acesso de micro e pequenos negócios a linhas de crédito

NOTA DE PESAR - Renato Eugênio Trapp

Entidade manifesta pesar da classe empresarial

ACIJS reverencia 60 anos da WEG

Presidente Luis Leigue destacou importância do legado deixado por Werner Voigt, Eggon João da Silva e Geraldo Werninghaus

Evento online quer potencializar recursos de incentivos fiscais a projetos sociais em Santa Catarina

Objetivo do evento é disseminar importância de destinação de recursos com base em leis de incentivo a projetos que beneficiem as comunidades

Samae apresenta Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos à ACIJS

Entidade apoiará encaminhamento de formulário a empresas associadas, com o objetivo de definir gerenciamento de resíduos

Viver Jaraguá reúne especialistas para debate sobre potenciais turísticos

Iniciativa busca dar mais visibilidade ao turismo regional e fomentar o desenvolvimento econômico

You must login to view your message.
Redefinir senha Cadastrar