Notícias 26 jan, 22

ACIJS ressalta importância de maior rapidez em obras na malha viária de Santa Catarina

ACIJS e Facisc se posicionam diante de novo corte de verbas em obras de rodovias

Entidades empresariais e lideranças da comunidade reagiram aos cortes anunciados pelo governo federal, que atingem diretamente obras imprescindíveis ao desenvolvimento de Santa Catarina. A Facisc – Federação das Associações Empresariais e a Associação Empresarial de Jaraguá do Sul manifestaram indignação e descontentamento com a situação.

“Mais uma vez Santa Catarina é prejudicada pelo governo federal em relação ao orçamento para verbas destinadas à infraestrutura. Nesta segunda-feira (24), o Estado perdeu R$ 43,2 milhões para obras de rodovias. O corte no Orçamento de 2022 foi feito  pelo presidente Jair Bolsonaro, que cortou verbas já aprovadas pelo Congresso Nacional”, posiciona a Facisc em nota divulgada na terça-feira (25).

Lembra a entidade que o valor destinado às obras de Santa Catarina representa 24% do valor reduzido no Ministério da Infraestrutura. Foram R$ 177 milhões para todos os estados. O presidente da entidade, Sérgio Rodrigues Alves, disse que as 149 associações empresariais e as mais de 35 mil empresas associadas recebem com muita indignação e preocupação o corte de 43 milhões para obras estruturantes no estado.

“Novamente somos prejudicados na composição orçamentária federal. Esperamos uma reação mais contundente dos nossos representantes políticos e que alguma medida compensatória seja feita. Não podemos continuar sendo desprestigiados no contexto federal , principalmente diante de tanta contribuição que representa nosso estado no contexto público e privado”, declarou.

Sérgio Rodrigues Alves cita que no documento lançado nas eleições de 2018, “O que SC precisa?”, estão elencadas mais de 700 demandas da classe produtiva que compõem o Programa Voz Única, que já caminha para a quarta edição. Das pautas elencadas, 47,15% destacaram  a importância de investimentos na área de infraestrutura. “Receber a notícia do corte, que vai contra as necessidades básicas apresentadas neste trabalho para o desenvolvimento econômico do estado, é decepcionante. Nossos representantes políticos tem a obrigação de se insurgirem e tentar reverter este quadro com medidas compensatórias para nosso estado”, completa Alves.

ACIJS reitera relevância da BR-280

O presidente da ACIJS e do Centro Empresarial de Jaraguá do Sul, Luis Hufenüssler Leigue, também se manifestou sobre o assunto. Em reportagem da NDTV, o empresário lembrou o histórico de defasagem da infraestrutura em Santa Catarina e pontuou problemas que já se enfrenta por conta dos gargalos da malha viária. “No caso da BR-280 essa situação se arrasta há muitas décadas. Estamos em uma região de grande potencial, que abriga algumas das maiores empresas do Brasil que, por conta destas dificuldades são forçadas a repensar sua logística e por vezes até suas localizações porque não temos maior capacidade de escoamento da produção”, alerta Luis Leigue.

Confira a reportagem acessando o link >> https://bit.ly/3H6tTIr

A ACIJS já havia se manifestado em janeiro, quando em visita do presidente da República a Santa Catarina, em férias, Jair Bolsonaro anunciou a conclusão do túnel no bairro Vieiras, que faz parte do projeto de duplicação da BR-280, no contorno da rodovia para desviar da área urbana entre Guaramirim e Jaraguá.

Em comentário à imprensa, destacou a importância de se dar maior celeridade nos serviços em trechos que estão mais adiantados e onde há fluxo de veículos, na ligação da região com o Planalto e com o litoral, como é o caso do lote 2 da BR-101 a Guaramirim, e disse que o túnel é uma etapa importante e a motivação do governo para que a obra seja entregue em 2022 é positiva, mas ressaltou: “também necessitamos de garantia de recursos para que se dê mais agilidade no trecho com menos complexidades seja ambiental ou em áreas indígenas, que têm trazido embargos jurídicos”.

Segundo ele, priorizando esse trecho boa parte das dificuldades que a região enfrenta com os gargalos na mobilidade na rodovia seria resolvida, dando sequência posteriormente aos trechos com maior dificuldade. Luis Leigue reforça a importância de se cumprir o cronograma dentro do orçamento do governo federal e lembrou que a duplicação da BR-280 tem mobilizado lideranças empresariais da região Norte-Nordeste de Santa Catarina em gestões junto à classe política, trabalho que a ACIJS vai intensificar em 2022 junto com as demais Associações Empresariais de maneira articulada com o Fórum Parlamentar Catarinense.

“A região precisa ter resposta ao que contribui para o estado e união, e a demora na conclusão de um projeto que se arrasta há anos traz enormes prejuízos para o desenvolvimento econômico e social dos municípios, além da falta de segurança e os riscos de acidentes a todos os usuários da rodovia”. (Com informações da Facisc e do Portal ND+)



Confira as

Últimas notícias

Jaraguá busca suporte da Celesc à inovação

Objetivo do encontro foi alinhar as estratégias com foco na tecnologia e inovação à ações de infraestrutura sob responsabilidade do governo estadual

Núcleo do Voluntariado Corporativo ACIJS inicia campanha “Aqueça o coração”

Objetivo é incentivar a solidariedade ajudando na doação de agasalhos para quem precisa diante do frio

Cenário atual traz incertezas sobre as eleições, diz economista no Encontro Empresarial ACIJS

Evento marcou os 103 anos da Rede OCP de Comunicação

ACIJS avalia que novo aumento da Taxa Selic pode inibir investimentos

Entidades expõem preocupação com o novo ajuste anunciado pelo Comitê de Política Monetária

Empreendedores compartilham sucesso de programa de mentoria ACIJS

Encontro do Núcleo de Jovens Empreendedores deu oportunidade a troca de experiências e ganhos com programa de Mentoria

Audiência pública debate oportunidades de aprendizagem a menores

Evento trouxe esclarecimentos sobre a importância social do programa "Trabalhando Juntos"

Seminário evidencia iniciativas para tornar cidades mais inteligentes e sustentáveis

Evento mostrou a importância de qualificar projetos para tornar cidades mais saudáveis e com desenvolvimento sustentável

Núcleo de Voluntariado Corporativo lança campanha solidária de doação de lacres

Pontos de coleta na recepção do CEJAS e nas empresas nucleadas querem estimular participação da comunidade

Economista Roberto Padovani fala sobre cenário econômico e impactos na eleição, dia 10, na ACIJS

Evento é gratuito e aberto à comunidade, com inscrições pelo portal In Rede [www.acijs.com.br]

Presidente do Inmetro se reúne com lideranças, na ACIJS, e relata ações

Objetivo do encontro foi estreitar relacionamento da autarquia federal com o setor produtivo e apresentar estrutura do Inmetro

You must login to view your message.
Redefinir senha Cadastrar