Notícias 27 mar, 20

O presidente da ACIJS e do Centro Empresarial, Luis Hufenüssler Leige, avalia que as medidas anunciadas pelo governador Carlos Moisés […]

ACIJS vê medidas anunciadas pelo governador como positivas, mas que exige esforço redobrado na atenção ao Covid-19

Governador enfatiza importância da retomada gradativa de atividades, mas sem ignorar protocolos de segurança e de saúde

O presidente da ACIJS e do Centro Empresarial, Luis Hufenüssler Leige, avalia que as medidas anunciadas pelo governador Carlos Moisés na noite desta quinta-feira (26) são positivas no sentido de encaminhar o estado para uma retomada gradual da normalidade em muitas atividades.

Para o empresário, o anúncio do Plano Estratégico de Retomada das Atividades Econômicas traz alento às comunidades diante das medidas de restrição que haviam sido adotadas a partir do dia 23, mas impõe à sociedade de maneira geral que se redobre os esforços quanto aos cuidados sanitários e higiênicos nos lugares públicos, estabelecimentos e empresas, assim como nas limitações em relação à locomoção e aglomeração das pessoas.

“Tarefa que irá demandar engajamento ainda maior das empresas, de entidades e do poder público, para conscientizar e fiscalizar, como forma de controle da situação e na perspectiva de novas decisões para que as cidades voltem a um ritmo mais confortável para todos os setores”, avalia. Também deve ser motivo de atenção, a intensificação das medidas de estruturação das frentes de saúde, privadas e públicas, “que a partir de agora precisam de modo mais intensivo atualizar seus protocolos”.

Em relação ao pedido feito ao Governo do Estado para que Jaraguá do Sul possa adotar um modelo de isolamento social vertical, o empresário entende que o trabalho de articulação realizado pelo Comitê Extraordinário de Gestão de Crise – Covid-19, é fundamental para fazer uma gestão localizada das questões que envolvem o controle e enfrentamento da pandemia no município. “A sinergia de todos os segmentos, entidades, empresas e poder público, que fazem parte do comitê, se torna ainda mais essencial, principalmente para a saúde, a segurança e na educação”.

Medidas anunciadas para a retomada parcial das atividades em Santa Catarina a partir da próxima semana:

O que abre e o que deve permanecer fechado

Agências bancárias, correspondentes bancários, lotéricas e cooperativas de crédito poderão abrir a partir de segunda-feira, 30, para atender exclusivamente pessoas que necessitem de serviços bancários presenciais.

A partir da quarta-feira, dia 1º, estarão liberados também:

– Atividades e os serviços privados não essenciais, a exemplo de academias, shopping centers, bares, restaurantes e comércio em geral;
– Atividades do setor hoteleiro;
– Atividades de construção civil;
– Escritórios de prestação de serviços em geral;
– Centros de distribuição e depósitos.

Para funcionar, os estabelecimentos precisarão respeitar algumas regras:

1) Para estabelecimentos com permissão de atendimento ao público e entrada de pessoas:
a) Limitação de entrada de pessoas em 50% (cinquenta por cento) da capacidade de público do estabelecimento, podendo este estabelecer regras mais restritivas;
b) Controle de acesso e marcação de lugares reservados aos clientes, bem como o controle da área externa do estabelecimento, respeitadas as boas práticas e a distância mínima de 1,5 m entre cada pessoa.

2) Priorização do afastamento, sem prejuízo de salários, de empregados pertencentes aos grupos de risco, como pessoas com idade acima de 60 anos, hipertensos, diabéticos e gestantes;

3) Priorização de trabalho remoto para os setores administrativos;

4) Adoção de medidas internas, especialmente aquelas relacionadas à saúde no trabalho, necessárias para evitar a transmissão do coronavírus no ambiente de trabalho e no atendimento ao público;

5) Utilização de veículos de fretamento para transporte de trabalhadores, ficando a ocupação de cada veículo limitada a 50% da capacidade de passageiros sentados;

Serviços autônomos liberados

Também serão liberados sem restrições, a partir de quarta-feira, 1º, os serviços autônomos, domésticos e os prestados por profissionais liberais.

Transporte coletivo segue suspenso

O governador Carlos Moisés anunciou ainda que os transportes coletivos permanecerão suspensos pelo prazo de mais sete dias, a contar da próxima quarta-feira, dia 1º.

A determinação mantém suspensa a circulação de veículos de transporte urbano municipal e intermunicipal de passageiros, além da circulação e do ingresso no território catarinense dos veículos de transporte interestadual e internacional de passageiros, público ou privado. A decisão também vale para veículos de fretamento para o transporte de pessoas.

Aulas continuam suspensas

O governador também anunciou que as aulas seguem suspensas em todas as redes de ensino até o dia 17 de abril, conforme determinação do decreto 525.

[Com informações do Governo de SC]



Confira as

Últimas notícias

ABRH-Jaraguá do Sul promove Circuito de Talentos Solidário

Evento vai ajudar financeiramente duas instituições sociais do município - APAE e AMA - com o repasse do valor de inscrições

BR-280: falta de mais investimentos trava crescimento da região

Obra é considerada estratégica para maior desenvolvimento econômico da região Norte do estado

Ajustes são importantes, mas reformas precisam ser amplas, diz ACIJS

Criação do IVA - Imposto sobre Valor Agregado pode corrigir distorções e estimular competitividade do País, avaliam entidades do setor produtivo

Jaraguá Mais Saudável é reconhecido como iniciativa de utilidade pública

Iniciativa do Legislativo permitirá à Associação Jaraguá Mais Saudável buscar recursos para a sustentabilidade do programa

ACIJS defende acesso facilitado de MEIs a crédito e a programas de gestão

Levantamento mostra que o segmento vem se consolidando e revela crescimento nos seis primeiros meses do ano

Pacto de Desenvolvimento e Inovação tem adesão de prefeitos da Amvali

Movimento busca o desenvolvimento regional sustentável do Vale do Itapocu

Viver Jaraguá quer mostrar oportunidades ao desenvolvimento do turismo regional

Além de mostrar projetos para estimular o setor, evento apresentará linhas de crédito voltadas ao turismo

Economia reage, mas qualificação de mão de obra ainda é desafio

Reaquecimento da economia no pós-pandemia vai exigir mais atenção com a qualificação profissional, avaliam entidades

Núcleo das Cervejarias comemora desempenho de marcas de Jaraguá em evento mundial

Líder do Núcleo das Cervejarias destaca importância da premiação como reconhecimento da qualidade do que é feito na cidade

Transformações globais em pauta na ExpoGestão 2021

Associados da ACIJS têm acesso a um dos principais eventos corporativos do Brasil, de 19 a 21 de outubro

You must login to view your message.
Redefinir senha Cadastrar