Notícias 29 ago, 18

Estimular empresas, órgãos públicos e a sociedade, de maneira geral, ao desenvolvimento de ações de prevenção a acidentes no trabalho. […]

Programa nacional quer estimular mais segurança no trabalho

Estimular empresas, órgãos públicos e a sociedade, de maneira geral, ao desenvolvimento de ações de prevenção a acidentes no trabalho. Com este objetivo, o Tribunal Superior do Trabalho e o Conselho Superior da Justiça do Trabalho estão divulgando o programa “Trabalho Seguro”, apresentado nesta segunda-feira (27) na plenária da ACIJS e APEVI.

Conforme a juíza Adriana Custódio Xavier de Camargo, gestora auxiliar do programa junto ao Tribunal Regional do Trabalho, a iniciativa foi motivada pelo crescimento dos indicadores de segurança e saúde no trabalho e o custo que as ocorrências acarretam a sociedade. Somente em Santa Catarina, explicou a magistrada, em 9 anos o registro de auxílios-doença cresceu cerca de dois mil por cento. São 45 mil acidentes de trabalho, o equivalente a 5 vezes a Arena Jaraguá, comparou.

A juíza alerta que a questão envolvendo acidentes de trabalho e a saúde ocupacional é muito ampla e o assunto precisa cada vez mais entrar em uma pauta comum que una esforços do governo, da iniciativa privada e de setores organizados da sociedade civil.

Houve muitos avanços na legislação e as empresas de maneira geral têm atuado no sentido de melhorar as condições de segurança de seus colaboradores, mas este é um objetivo que deve mobilizar a todos cada vez mais. Quando ocorre acidentes há impactos não só para o trabalhador e sua família, mas na economia e um custo para a sociedade como um todo” – Juíza Adriana Custódio Xavier de Camargo.

Dentre as ações propostas pelo programa estão o incentivo a projetos de educação que envolvam crianças em idade escolar, para agirem como motivadoras dos pais quanto aos cuidados com a saúde e a segurança do trabalho, e a definição de legislações municipais que estabeleçam critérios na contratação de empresas em licitações. A intenção é estabelecer que uma contratada da administração pública ofereça como pré-requisito a realização de treinamentos de segurança de seus empregados. Alguns municípios de Santa Catarina já aderiram à medida que, segundo Adriana Camargo, também poderá ser adotada por meio de projeto de lei na Câmara de Vereadores de Jaraguá.

A adesão ao programa Trabalho Seguro é voluntária e não implica em qualquer efeito posterior de fiscalização. “O foco é a prevenção e para isto vale qualquer atividade que empresas ou outras instituições que aderirem ao programa se comprometam cumprir com base no plano que for apresentado”.

O advogado Marcelo Beduschi, vice-presidente administrativo da APEVI, destacou a relevância do tema, lembrando que Santa Catarina o segundo estado brasileiro em gastos com acidentes do trabalho. Apresentou indicadores que mostram no período de 2012 a 2017 mais de 132 mil auxílios-doença que corresponderam a 9,3% de todos os pagamentos feitos pelo INSS. Em 2017, o estado registrou uma morte por acidente do trabalho a cada 3 dias, somando 118 casos no ano.

Como participar:

Empresas interessadas em aderir ao programa podem obter mais informações no site www.trt12.jus.br e pelo e-mail [email protected]

>>> A apresentação na íntegra do assunto está disponível acessando https://www.youtube.com/user/canalACIJS



Confira as

Últimas notícias

Presidente da ACIJS diz que decisão do Copom é desconectada da realidade

Decisão anunciada pelo Comitê de Política Monetária na quarta-feira (5) recebeu críticas de entidades que representam o setor produtivo

Avanço importante para região, avalia ACIJS sobre obras de arte na BR-280

Presidente da ACIJS diz que início das obras é alento importante no sentido de que a duplicação entre Guaramirim e Jaraguá será integral

Novo Decreto Estadual atualiza portarias com regras no enfrentamento à Covid-19

Medidas valem até 17 de maio e atendem a necessidade de ajustes em diversas atividades econômicas, considerando a Matriz de Risco

Programa de educação empresarial com foco em mentoria a empreendedores

Estruturado em três eixos, programa visa auxiliar empreendedores à melhoria da gestão, oferecendo Diagnóstico, Curadoria e Mentoria

Governo federal reedita MP de redução de salário e jornada durante a pandemia

Publicação da Medida Provisória de flexibilização trabalhista para enfrentamento da crise ocorreu na quarta-feira, dia 28, no Diário Oficial

Governador se reúne com classe empresarial no CEJAS, dia 12

Durante agenda em Jaraguá, governador se reúne com classe empresarial no CEJAS A visita ao Centro Empresarial de Jaraguá do Sul para um encontro com

ACIJS avalia duplicação do trecho estadualizado da BR-280 como importante reconhecimento do Estado à região

A diretoria da ACIJS acompanhou, nesta sexta-feira (28) a visita que o governador Carlos Moisés realizou à região para vistoriar as obras de duplicação do

Presidente da Acijs avalia expectativas do setor produtivo para a retomada econômica e atuação no enfrentamento da pandemia

Em entrevista à Rádio 105 FM, o presidente da Associação Empresarial de Jaraguá do Sul, Luís Leigue, comentou sobre as expectativas da ACIJS na retomada

Covid-19: é hora de fazer a sua parte

O coronavírus segue fazendo muitas vítimas pelo país. É por isso que cabe a todos nós fazermos a nossa parte. Reforce com seus colaboradores que

Nota de Pesar - Osmar Gumz

A Associação Empresarial de Jaraguá do Sul, representada por seu Conselho Superior, Diretoria e empresas associadas, manifesta profundo  pesar pelo falecimento do senhor Osmar Gumz,

You must login to view your message.
Redefinir senha Cadastrar