Notícias 01 abr, 20

A ACIJS – Associação Empresarial de Jaraguá do Sul encaminhou à Assembleia Legislativa de Santa Catarina ofício em que defende […]

ACIJS defende tratamento isonômico no pagamento de tributos diante de dificuldades financeiras de empresas

Medida visa ajustar decreto de estado de calamidade à portaria do Ministério da Fazenda, o que traria mais tranquilidade à empresas neste momento de dificuldades, avalia entidade

A ACIJS – Associação Empresarial de Jaraguá do Sul encaminhou à Assembleia Legislativa de Santa Catarina ofício em que defende tratamento isonômico, ou igual, a todos os setores em relação ao cumprimento dos prazos para quitações de tributos federais no período da crise ocasionada com a pandemia do Coronavírus (Covid-19).

O documento, endereçado aos parlamentares, contou com adesão da FACISC – Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina e tem como fundamentação a decretação de estado de calamidade pública, conforme o Decreto Legislativo 18.332/2020. Originalmente, o decreto de estado de calamidade pública, de 20.03.2020, propicia ao Governo do Estado a dispensa de cumprimento das suas metas fiscais em decorrência dos impactos na economia catarinense.

A proposta da ACIJS é no sentido de que a Assembleia Legislativa promova a alteração do decreto legislativo, estendendo o reconhecimento de estado de calamidade pública para toda a população catarinense. Deste modo, as empresas ser beneficiadas por norma já existente – Portaria do Ministério da Fazenda 12/2012 – que autorizaria a prorrogação do pagamento de tributos federais nesse período de crise.

O documento enfatiza que as empresas catarinenses enfrentam dificuldades de caixa em razão das medidas tomadas pelo Governo do estado para o enfrentamento ao Covid-19, que restringiram várias atividades econômicas. A maioria das empresas enfrentam problemas para arcarem com suas obrigações para com fornecedores, empregados, tributos, dentre outros encargos.

“Em relação aos tributos, sobretudo federais, a Portaria do Ministério da Fazenda, nº 12 de 20/01/2012, prevê a possibilidade de prorrogação do vencimento dos tributos federais das empresas sediadas em municípios onde tenha sido reconhecido estado de calamidade pública”, justifica a entidade.

Para que a indústria catarinense possa se valer da previsão da Portaria do Ministério da Fazenda, é necessário que o decreto aprovado pelos deputados estaduais seja alterado e não estabeleça somente à administração estadual a possibilidade de prorrogação de suas obrigações, no que diz respeito ao descumprimento das metas fiscais.

 



Confira as

Últimas notícias

Presidente da ACIJS diz que decisão do Copom é desconectada da realidade

Decisão anunciada pelo Comitê de Política Monetária na quarta-feira (5) recebeu críticas de entidades que representam o setor produtivo

Avanço importante para região, avalia ACIJS sobre obras de arte na BR-280

Presidente da ACIJS diz que início das obras é alento importante no sentido de que a duplicação entre Guaramirim e Jaraguá será integral

Novo Decreto Estadual atualiza portarias com regras no enfrentamento à Covid-19

Medidas valem até 17 de maio e atendem a necessidade de ajustes em diversas atividades econômicas, considerando a Matriz de Risco

Programa de educação empresarial com foco em mentoria a empreendedores

Estruturado em três eixos, programa visa auxiliar empreendedores à melhoria da gestão, oferecendo Diagnóstico, Curadoria e Mentoria

Governo federal reedita MP de redução de salário e jornada durante a pandemia

Publicação da Medida Provisória de flexibilização trabalhista para enfrentamento da crise ocorreu na quarta-feira, dia 28, no Diário Oficial

Governador se reúne com classe empresarial no CEJAS, dia 12

Durante agenda em Jaraguá, governador se reúne com classe empresarial no CEJAS A visita ao Centro Empresarial de Jaraguá do Sul para um encontro com

ACIJS avalia duplicação do trecho estadualizado da BR-280 como importante reconhecimento do Estado à região

A diretoria da ACIJS acompanhou, nesta sexta-feira (28) a visita que o governador Carlos Moisés realizou à região para vistoriar as obras de duplicação do

Presidente da Acijs avalia expectativas do setor produtivo para a retomada econômica e atuação no enfrentamento da pandemia

Em entrevista à Rádio 105 FM, o presidente da Associação Empresarial de Jaraguá do Sul, Luís Leigue, comentou sobre as expectativas da ACIJS na retomada

Covid-19: é hora de fazer a sua parte

O coronavírus segue fazendo muitas vítimas pelo país. É por isso que cabe a todos nós fazermos a nossa parte. Reforce com seus colaboradores que

Nota de Pesar - Osmar Gumz

A Associação Empresarial de Jaraguá do Sul, representada por seu Conselho Superior, Diretoria e empresas associadas, manifesta profundo  pesar pelo falecimento do senhor Osmar Gumz,

You must login to view your message.
Redefinir senha Cadastrar