Arquivos para Imprensa

• ou •
27 de novembro de 2017

ATA DA REUNIÃO PLENÁRIA DA ACIJS E APEVI REALIZADA NO DIA 27 DE NOVEMBRO DE 2017

PRESIDÊNCIA: Marcelo Beduschi
CONVIDADOS: Gabriel Custódio, Salézio João de Souza, Angela de Espíndola da Silveira, e Luís Gonzaga de Souza Fonseca.
Abrindo a reunião, Marcelo Beduschi, Vice-Presidente Administrativo da APEVI deu as boas vindas a todos e colocou em votação a ata da reunião anterior.
GESTÃO PROFISSIONAL
Gabriel Custódio, do Programa Symplicity apresentou a Plataforma Central de Carreiras da Católica SC. Segundo ele, o objetivo da instituição de ensino é gerar maior interação entre universidade e mercado de trabalho, simplificar o procedimento acadêmico em relação as oportunidades de estágios e emprego, divulgar os talentos e oportunidades de emprego, aprimorar dados estatísticos de empregabilidade, utilizar uma ferramenta no mesmo nível das universidades internacionais e simplificar a busca de talentos pelas empresas no âmbito da universidade. Para acessar a Central de Carreias é preciso acessar o site da instituição: www.catolicasc.org.
GESTÃO FINANCEIRA
Salézio João de Souza, professor universitário e consultor em gestão empresarial fez uma análise sobre a reforma tributária e as medidas que as empresas devem tomar para aumentar seus resultados. O especialista fez um relato dos possíveis efeitos do projeto de reforma tributária em discussão na Câmara Federal no setor produtivo, com orientações sobre o que os empresários devem saber quanto ao enquadramento tributário e a influência dos impostos no preço de venda. A carga fiscal do Brasil, formada por 74 tributos de várias naturezas, descreve Salézio João de Souza, representa 32,7% do PIB – Produto Interno Bruto, que é a soma de todas as riquezas geradas no País. Deste total, 68,2 % ficam com a União, 25,4% com os Estados e 6,4% com os municípios. “Há uma grande desigualdade na questão para a sociedade, pois onde o tributo é gerado, os municípios, o percentual que retorna é o menor do bolo da arrecadação”. Ao relacionar os pontos principais da proposta em tramitação no Congresso Nacional, ele diz que será preciso muito otimismo e um trabalho forte para que a situação seja modificada. “O que há são indicações de incorporação de tributos e substituições, mas isto não significa que a produção e o consumo serão menos onerados”, disse o especialista, indicando que o País ainda irá conviver com questões cruciais como o déficit da Previdência, enorme dívida interna e desproporções no combate fiscal. “Isto compromete o princípio da equidade, que é a base da justiça fiscal. Por outro lado, há um custo do Senado, da Câmara Federal, do Poder Legislativo e do poder público em todas as instâncias, e sem recursos para investimentos em áreas onde o Brasil, como a infraestrutura, que se não resolvidos trará ainda mais problemas”. Salézio João de Souza destacou o papel das entidades organizadas para modificar o cenário atual da carga tributária brasileira. “O próximo ano vai exigir muito esforço das empresas e das instituições representativas no sentido de buscar do setor político uma mudança de atitude. O Brasil tem um peso gigantesco e está claro que o projeto que se apresenta não traz qualquer perspectiva de diminuição da carga tributária, mas sim uma reforma onde ao final o cheque a ser pago será o mesmo”, assinalou.
GESTÃO DO CONHECIMENTO
Angela de Espíndola da Silveira, Gerente Executiva, e Luís Gonzaga de Souza Fonseca, Professor e Diretor Especial da FEESC - Fundação de Ensino e Engenharia de Santa Catarina palestraram sobre a “Interação entre Universidades e Empresas”.
PALAVRA LIVRE
Hilário Bruch, contador, pediu o empenho e a atenção das entidades de classe para que intercedam a favor da permanência da Unidade de Fiscalização de Jaraguá do Sul. Segundo ele, o Governo já sinalizou o fechamento da unidade, o que acarretará um enorme transtorno para os empresários que deverão encaminhar seus processos via Joinville, passando a trafegar diariamente pela BR-28.
Evandro Pacheco, Vice-Presidente Comercial da Apevi fez a divulgação do Programa Gestor de Líderes que iniciará em 2018 na Apevi.
PAUTA 04 DE DEZEMBRO DE 2017
Apresentação da Universidade do Vale do Itajaí – UNIVALI, homenagem à Empresa Benemérita WEG, apresentação do Projeto de Turismo de Jaraguá do Sul, por Edilma Lemanhê, presidente do Convention Bureau e eleição da Diretoria e Conselho Fiscal da APEVI - Gestão 2018.
Jaraguá do Sul, 27 de novembro de 2017.

Luiz Carlos Buzzarello
Vice-Presidente Financeiro da ACIJS

Marcelo Beduschi
Vice-Presidente Administrativo da APEVI

Fazer download da galeria

Empresas Conveniadas

  • TEVAH
    TEVAH

    Jaraguá do Sul Park Shopping Fone: (47) 3374-1167 Desconto de 12% para Associados da ACIJS.

  • CONEXÃO GESTÃO DE SAÚDE OCUPACIONAL
    CONEXÃO GESTÃO DE SAÚDE OCUPACIONAL

    Rua Presidente Epitácio Pessoa, 532 - Centro Fone: (47) 3374-0707 Desconte de 15% sobre o valor bruto dos serviços para associados da ACIJS.

  • Nova Automação e Energia Solar
    Nova Automação e Energia Solar

    R. Manoel Francisco da Costa, 3131 - João Pessoa, Jaraguá do Sul - SC Fone: (47) 3370-1530 O desconto será no montante de 10% (dez por cento) para kit’s Geradores de Energia Fotovoltaica, aplicados a associados ACIJS.

  • Unimed Jaraguá do Sul
    Unimed Jaraguá do Sul

    Av. Mal. Deodoro da Fonseca, 1412 - Centro Fone: (47) 2106-2200 Desconto de 5% nos planos para associados da ACIJS.

  • ALLCET Educacional
    ALLCET Educacional

    Rua Max Wilhelm, 391 - Vila Baependi Fone: (47) 3054-4474 Desconto de 15% em cursos para associados da ACIJS.

  • JJW Informática
    JJW Informática

    Rua Aracajú, 304 - Centro - Timbó - Santa Catarina Fone: (47) 3382-0629 Desconto de 10% na aquisição de nossos produtos para Associados da ACIJS.