ACIJS anuncia assessoria de apoio a conselhos comunitários

A ACIJS divulgou na plenária desta segunda-feira, dia 5, a criação de uma assessoria especial de apoio aos conselhos e comitês comunitários municipais. A assessoria será comandada pelo advogado Frederico Hubner, assessor jurídico do Centro Empresarial de Jaraguá do Sul, e terá como objetivo acompanhar o trabalho destes órgãos que são responsáveis por discussões sobre vários temas junto à administração pública.

O presidente da ACIJS Giuliano Donini refuta a criação da assessoria como uma iniciativa positiva que reafirma o compromisso da entidade empresarial com a comunidade. “Os conselhos e comitês nos quais a ACIJS está presente representam uma forma efetiva de relacionamento com a comunidade. Com esta assessoria buscamos dar um suporte aos integrantes de conselhos, o que beneficiará o trabalho e assegurará maior visibilidade às decisões ali tomadas”, assinala.

Conforme Frederico Hubner, as discussões para a formação desta assessoria começaram em agosto, com a estruturação da equipe interna da ACIJS que atuará junto aos conselhos e comitês, reuniões de esclarecimento, análises de legislações, entre outras providências. “A partir de 2017 estabeleceremos uma rotina mensal de apresentação em plenária dos encaminhamentos dos conselhos e comitês que afetem de maneira mais direta a classe empresarial e a comunidade”, informa Giuliano Donini.

“Os conselhos e comitês têm uma importância muito grande na vida da cidade e são previstos legalmente, dando voz ativa à comunidade por meio desta representatividade em questões diversas. É a oportunidade que os munícipes têm de se posicionar e exercer maior cobrança do poder público. Para a classe empresarial, é uma garantia de debate amplo nos temas que dizem respeito ao desenvolvimento com sustentabilidade”, ressalta Frederico Hubner.

Atualmente a ACIJS está representada com cerca de 50 pessoas em 25 conselhos e comitês em várias áreas como segurança pública, saúde, educação, meio ambiente, mobilidade, direitos da criança, direitos dos idosos, cultura, patrimônio histórico e arquitetônico, dentre outros, além de contar com representantes em outros órgãos e instituições de cunho filantrópico e social como o Hospital São José e Bombeiros Voluntários. Estes representantes atuam de maneira voluntária (sem remuneração) e se reúnem pelo menos uma vez por mês em reuniões ordinária ou excepcionalmente em caráter extraordinário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *